Como aceitar o término de um relacionamento

Infelizmente, nós, seres humanos, precisamos viver em comunidade, viver com outras pessoas. Viver sozinho em todas as situações é impossível no mundo que habitamos. Por essa razão seja tão difícil aceitar o término de um relacionamento, sobretudo para as mulheres que são consideradas o “sexo frágil” no quesito relacionamento.

Há alguns homens que sentem tanto quanto as mulheres, mas de modo geral, as que sofrem mais são as mulheres, infelizmente.

Aceitar o fim de um relacionamento quando ele é previsto ou quando ele já está por um fio já é ruim. Imagine, então, quando você ainda ama a pessoa e por motivos desconhecidos, você recebe a notícia que seu relacionamento está findando. Triste, não?

As reações…

É muito relativo dizer como seriam as reações, uma vez que não sabemos a que nível o sentimento e o relacionamento se encontra. No entanto, existirão mulheres que chorarão por aquela decisão e logo vão se recompor e outras, não. Outras vão chorar, vão atrás, vão querer reconquistar e tentar entender os reais motivos daquele término.

Isso não é bom e não fará bem para os dois lados, uma vez que há um desgaste, uma carga negativa e pesada envolta nisso.

O que fazer nessa situação?

O melhor a ser feito é sempre manter um relacionamento muito às claras, mantendo diálogos saudáveis para que, se acontecer o término do relacionamento, todos estejam cientes dos “erros” e sejam capazes de conversar, de modo a minimizar as dores, até porque, se estamos num relacionamento, não queremos que o mesmo finde, não é verdade?

Ajuda de um psicólogo…

Muitas pessoas acostumadas com a rotina de casal, não conseguem enxergar que a sua volta existem pessoas com as quais pode conversar e até mesmo desabafar. Se esse é seu caso ou de alguém que conhece, indique ajuda de um psicólogo.

Assim, uma pessoa desconhecida e neutra na situação poderá contribuir para a reconstrução da pessoa que sofre atualmente pelo fim da relação.

Assim, aos poucos, tudo voltará a entrar nos eixos. Aliás, a rotina de casal é boa, mas fica uma dica: aproveite o tempo sozinha também para se conhecer, para ver o quanto é prazerosa sua própria companhia e aproveite para se aperfeiçoar em um curso que muitas vezes não deu para fazer, pois você priorizou o relacionamento. Conheça pessoas, enfim, aproveite e use a seu favor o término do seu relacionamento.

Minimize os sofrimentos.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>