Não seja escravo da tecnologia

Na era da tecnologia, muitos hábitos e conceitos foram modificados. A informação globalizada e disseminada em tempo real influencia e modifica constantemente as tendências sociais, econômicas, políticas e culturais de todos os continentes. O mercado também está em constante adaptação a essas mudanças, pois quando mudam as tendências, mudam também as necessidades e segmentos de consumo.

Nesse tempo, muitos países entraram em crise, bancos faliram, empresas quebraram, por não acompanhar a velocidade e intensidade das mudanças, e também por não resistirem à exposição feita pelos canais de comunicação, também chamado de mídia.

Partindo para uma visão mais pessoal, nossas vidas também são alteradas por essa febre tecnológica e quero trazer uma importante reflexão sobre esse assunto. A carga de informação a que estamos submetidos e o grau de exposição que nossas vidas são colocadas, deve ser alvo de muita atenção, esses elementos definem seu presente e futuro. Não querendo ditar o que vocês deve ou não fazer ou assistir, e sim, alertá-lo sobre a conteúdo de informações que você leva para suas vidas e por consequência dissemina entre as pessoas que lhe cercam. Será que essas informações são produtivas para sua vida? Fazem de você uma pessoa melhor e te ajudam a melhorar a vida das pessoas? Pense nisso! Tão importante quanto o que você adquire são as coisas que você compartilha com as pessoas.

Outro ponto que deve ser considerado na sua relação com a era tecnológica é o cuidado com a exposição a que você é submetido nas redes sociais, compras virtuais ou cadastro em redes bancárias e lojas. Esse tem sido um tema de preocupação das autoridades e sociólogos. Existem dois riscos a serem considerados: o perigo de ser vítima de pessoas mal intencionadas, que podem usar suas informações para lhe prejudicar, extorquir ou realizar práticas de estelionato e fraudes. Outro risco é de você exagerar no tempo de convívio virtual a ponto de perder o contato social com o mundo real.

Use a tecnologia a seu favor, mas não seja dominado por ela!

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>