Você dorme bem?

Depois de um longo dia de trabalho e atividades diversas, a mente e o corpo precisam de um período de repouso. De forma espontânea e automática, recebemos um sinal que pede descanso e começa a exibir sinais de fadiga, como se precisasse de manutenção. Como somos pessoas ocupadas e sempre requisitadas, resistimos ao sono e nos submetemos a horas, porque não dizer dias, a ambientes desgastantes e muitas vezes, lutando contra o corpo e mente que precisam repousar. Existem muitas pessoas que querem enganar o sono com substâncias nocivas, que em médio-longo prazo terá efeitos desastrosos. É o exemplo de alguns caminhoneiros, que precisam responder a expedientes sucessivos com prazos sobrecarregados e personalidades que querem ficar noites seguidas em compromissos e eventos.

O sono aparentemente é um período de inatividade, onde se perde um tempo que poderia ser utilizado em várias tarefas. Apesar de ser um período de inconsciência, o sono é tão importante quanto atividades que julgamos de primeira grandeza, como alimentação, higiene e exercícios físicos. O bom sono permite a liberação e reposição de hormônios necessários para o desenvolvimento humano, libera o stress acumulado ao longo do dia, trabalha a imunidade e resistência do corpo a bactérias e vírus, combate os radicais que provocam o envelhecimento e tumores, regula a temperatura cerebral, ajudando a memória e concentração. Para que o sono desenvolva os benefícios citados, é importante que se dedique o tempo necessário, no mínimo seis horas ao dia, para que os estágios desse processo sejam cumpridos.

O primeiro estágio refere ao processo de dormência, onde a pessoa inicia a fase de relaxamento e desliga-se do mundo exterior. Nessa situação, a pessoa continua consciente, sabendo o que se passa ao seu redor, com pleno controle sobre as ações e pensamentos. O segundo estágio, está relacionado ao sono leve, o chamado cochilo. Na terceira fase, a pessoa entra em profunda dormência e inconsciência. No quarto estágio, o cérebro começa a ser novamente acionado e ocorrem os sonhos, num processo de limpeza, fixação de informações e descarte de dados não importantes.

Entendendo esse processo, podemos agora imaginar, o que acontece quando uma pessoa fica um longo período sem dormir ou sofre algum distúrbio que não permite uma boa qualidade de sono. O stress aumenta, o corpo sofre um desgaste maior, ocorre diminuição na concentração e todo o sistema entra em sobrecarga. Não podemos desafiar os limites que a natureza estabeleceu. Precisamos viver intensamente, produzir e desfrutar de todos os momentos, porém, dedicar os momentos certos para o sono, irá nos garantir a energia e vitalidade necessária para responder aos desafios que a vida nos exige.

Se perguntarem: Você dorme bem? Que a sua resposta seja: Sim!

Seu corpo agradecerá e lhe retribuirá com muita disposição. Lembre-se que não somos máquinas e mesmo que fôssemos deveríamos respeitar os limites de funcionamento que nossa estrutura teria.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>