Saúde

Bruxismo é mais comum do que se imagina

By  | 

A vida agitada das grandes cidades pode causar além de muito cansaço, altos níveis de estresse. E ele, pode causar uma disfunção oral, chamada bruxismo. Essa disfunção pode acontecer independentemente da faixa etária e do sexo, existem casos envolvendo crianças, jovens e adultos, homens e mulheres.

É comum que o bruxismo acontece na parte da noite, durante o sono, mas ocorrências durante o dia já foram encontradas. O especialista em implantodontia, Dr. Sidnei Goldmann explica que o distúrbio se apresenta com o apertar ou ranger dos dentes.

O problema está diretamente relacionado ao Sistema Nervoso Central, que comanda a ação inconsciente, executada pelos músculos, pode ser executada por longos períodos. Esse distúrbio atinge cerca de 15% da população.

Quanto às causas, o especialista enumera algumas: agressão, tensão, cobrança social ou familiar (principalmente nos casos das crianças), estresse, frustração, ansiedade ou dentes mal posicionados.

Entre os sintomas estão dores na mandíbula e na cabeça, problemas na gengiva e no tecido ósseo, além da possibilidade do desgaste do dente. Para tratar o bruxismo, é recomendável o uso de uma placa estabilizadora, confeccionada em resina acrílica. Métodos de relaxamento e terapêuticos também podem combater o distúrbio.

Caso a pessoa acorde com dores de cabeça ou nos músculos da mandíbula, pode ser sinal de que ela sofra de bruxismo. Para um diagnóstico preciso é preciso que ela seja encaminhada ao dentista, porque ele será capaz de determinar se a origem da dor é ou não a disfunção.

Durante o tratamento, o paciente deve contar com ajuda de um dentista, um fisioterapeuta e de um fonoaudiólogo. O primeiro verifica o desgaste dos dentes causado pelo ranger dos dentes, o segundo ajuda a fortalecer a musculatura da região e através de aparelhos como o TENS, o laser e o infravermelho diminuem a dor e visam o relaxamento do músculo. O último desses profissionais, o fonoaudiólogo, atua para corrigir qualquer dano à fala, causado pelo bruxismo.

O paciente, nesse período, deve evitar mascar chicletes, morder ou colocar objetos na boca, em seguida, apertá-los, porque esses hábitos são vistos como vícios e estão relacionados a disfunção.

Rate this post

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: [email protected] Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!