Sem categoria

Dicas para escolher o colchão ideal!

By  | 

Além de problemas de coluna e problemas ortopédicos, dormir em um colchão inadequado pode trazer problemas neurológicos e causar mal estar durante o dia, interferindo em tarefas cotidianas, como trabalho e estudo.

Portanto, na hora de adquirir um colchão para a cama é necessário tomar alguns cuidados, para fazer a escolha certa.

 

Em primeiro lugar, preço e tecnologia nem sempre é garantia de conforto. Portanto, é preciso ficar alerta com os fabricantes que prometem colchões com diversas características que podem ser desnecessárias, mas que aumentam, e muito, o valor do produto.

Um exemplo são os colchões com sistemas automáticos de massagem, que podem ser confortáveis, mas não são prioridades e costumam ser extremamente caros.

Por outro lado, comprar colchões extremamente baratos também é um erro, pois dificilmente serão usados materiais de qualidade na fabricação destes produtos. Portanto, faça uma pesquisa de mercado nas principais lojas e use o bom senso.

Antes de comprar um colchão, o usuário não deve hesitar de experimentá-lo na loja, sentando e deitando-se sobre ele. Isto já dá uma idéia de conforto.

O colchão ideal não deve ser extremamente rígido e duro, pois além de desconfortável, atrapalha o relaxamento do corpo e pressiona os músculos, causando dores e danos aos tecidos.

Também não deve ser muito mole, ou seja, o corpo não pode chegar a afundar. Isto porque, com o passar das horas de sono, os músculos não sustentam o peso dos ossos e da coluna – o que pode resultar em distensão muscular e alinhamento incorreto das vértebras.

O modelo ideal é aquele que acomoda confortavelmente o corpo, sem deixar a coluna totalmente reta nem o corpo afundado na espuma.

Para facilitar a escolha, o consumidor deve procurar pelo Selo de Qualidade do Pró Espuma, que é cedido pelo Instituto Nacional de Estudos do Repouso (INER), ou pelo Selo do InMetro. Apenas a denominação “Colchão Ortopédico” não garante a boa qualidade do produto.

Na hora da compra, o consumidor deve exigir a nota fiscal, pois caso o colchão não cumpra com as especificações técnicas do fabricante ou as promessas do vendedor, é possível reclamar e solicitar a troca.

Invista em um colchão adequado e tenha um bom sono e ótimos sonhos!

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: [email protected] Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!