Saúde

DIU diminui risco de câncer de colo do útero

By  | 

Dispositivos intra-uterinos (DIU) evitam uma gravidez indesejada, e como benefício adicional, também pode ajudar a mulher a se proteger contra o câncer de colo do utéro, segundo um novo estudo publicado na revista “Lancet Oncology”. As mulheres que usam DIU apresentam uma probabilidade 50% menor de desenvolver câncer cervical em relação as mulheres que nunca usaram, segundo o estudo.

Pesquisadores europeus analisaram ​​dados de cerca de 20.000 mulheres de diferentes partes do mundo, entre 1985 e 2007. A nova análise não prova que o DIU previne diretamente o câncer cervical, apenas sugere que os dispositivos estão associados a um menor risco de câncer, por razões que ainda não são totalmente compreendidas. Este estudo não mostra causa e efeito, no entanto, a redução dos casos de mulheres com câncer de colo do útero realmente é significativa.

Em comparação com mulheres que nunca tinham feito uso do DIU, as participantes do estudo que usaram os dispositivos apresentaram chances 44% menores de desenvolver carcinoma, o tipo mais comum de câncer cervical.

Elas também apresentaram chances 54% menores de desenvolver câncer adenocarcinoma e carcinoma adenoescamoso. Cerca de 10.000 mulheres brasileiras  ( a maioria delas com mais de 30 anos) recebem o diagnóstico de câncer cervical a cada ano. A maioria dos casos são causados ​​por uma infecção persistente de HPV, um vírus sexualmente transmissível, que geralmente é derrotado pelo sistema imunológico do corpo.

O estudo (que foi financiado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e várias outras organizações governamentais e filantrópicas) revelou que o uso de DIU não aumentou nem diminuiu o risco de infecção pelo HPV.

As taxas de infecção foram as mesmas entre as mulheres que  usavam o DIU e aquelas que não usavam, mesmo levando em conta os vários fatores de risco para o HPV, como o número de parceiros sexuais, o número de exames de papanicolau já realizados e o estado menopausal da mulher. Embora não existam provas concretas, os pesquisadores especulam que alguns dispositivos anticoncepcionais específicos podem aumentar as chances de contrair HPV.

Os dispositivos podem causar um baixo nível de respostas do sistema imunológico, que combatem as células cancerígenas, ou a sua inserção e retirada podem provocar lesões pré-cancerosas. Novas pesquisas são definitivamente necessárias para estudar e encontrar os mecanismos biológicos através dos quais o DIU pode induzir essa redução de risco. Antes de escolher qualquer método anticoncepcional é aconselhável que a mulher procure um ginecologista, afim de encontrar o método mais indicado, evitando possíveis problemas.

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: kika@patricinhaesperta.com.br Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

1 Comment

  1. Cynthia Souza

    at

    Muito boa a matéria!
    Cynthia

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!