Saúde

Novos tratamentos contra apendicite

By  | 

Embora alguns pesquisadores acreditem que o uso de antibióticos possa curar a apendicite, a cirurgia continua sendo o tratamento mais eficaz, sugerem novos estudos. Em muitos casos a apendicite pode ser tratada apenas com antibióticos, no entanto, em outros casos, onde o apêndice é perfurado, requer cirurgia, o problema é discernir entre os dois. Infelizmente, com a tecnologia atual, não é possível distinguir esses dois tipos de apendicite.

Para o estudo, foram analisados cerca de 239 pacientes, com diagnóstico de apendicite aguda e simples, com base em uma tomografia computadorizada. Esses pacientes foram aleatoriamente designados para tratamentos com antibióticos ou com apendicectomia. Os pesquisadores analisaram os casos de peritonite, uma inflamação da parede da cavidade abdominal, nos 30 dias após o tratamento.

Eles descobriram que aqueles tratados com antibióticos (3 gramas de amoxicilina + ácido clavulânico por 8-15 dias ) tinham uma incidência significativamente maior de peritonite (8%), em comparação com aqueles que foram submetidos a cirurgia (2%).

Além disso, 14 pacientes tratados com antibióticos (12%) precisavam de uma apendicectomia, no mês seguinte ao tratamento. Outros 30 pacientes exigiram uma apendicectomia entre o 1° e 0 12° meses após o tratamento inicial com antibiótico. Mais de um quarto dos pacientes haviam sofrido uma recidiva de apendicite aguda, o que fez a operação necessária.

É importante lembrar, que muitos médicos aplicam medicamentos que não são indicados, como por exemplo a amoxicilina, que de fato não é recomendada no tratamento não-cirúrgico de apendicite. O estudo também mostrou que dois terços dos pacientes não precisam de cirurgia. Os autores admitiram que a resistência aos antibióticos (amoxicilina) pode ter afetado os resultados, e sugeriram que cefalosporinas de terceira geração (embora ainda não recomendado) podem ser uma alternativa. Em relação à última sugestão, isso pode depender do hospital.

Mas uma boa combinação seria uma excelente alternativa, para começar com ciprofloxacina, que seria combinado com metronidazol ou levofloxacina. Os médicos não costumam dizer aos pacientes que o uso de antibióticos pode ser o único tratamento de que necessitam para a cura apendicite. Há desvantagens para a operação, pois sempre existe o risco de problemas anestésicos, de sangramento, de infecções e obstruções intestinais posteriores.

No futuro, pacientes com apendicite aguda serão tratados com antibióticos de melhor qualidade, onde não será necessária uma operação posterior. Também não será necessário realizar uma operação de emergência, o paciente poderá esperar um dia ou mais, e assim ver se os antibióticos funcionam ou não.

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: kika@patricinhaesperta.com.br Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!