Saúde

Proteja sua pele

By  | 

As doenças de pele e envelhecimento precoce estão cada vez mais visíveis entre a população. No Brasil, em 2009, cerca de 55.000 brasileiros foram acometidos por câncer de pele. Esse fato está relacionado à exposição excessiva ao sol e agentes poluentes ou radiativos.

Sobre a ação do sol sobre a pele, precisamos entender os tipos de raios que são absorvidos durante determinado tempo de exposição. Os raios UV (ultra-violeta) classificados entre os tipos A e B devem ser cuidadosamente considerados quando você estiver diretamente expostos ao sol. Os raios UVA, normalmente possuem elementos que preconizam o envelhecimento e enrugamento da pele e predispõe o aparecimento do câncer e são responsáveis por muitos tipos de alergia. Esses raios estão presentes entre às dez horas da manhã até às quatro horas da tarde.

Os raios UVB estão presentes durante todo o dia e são os causadores da vermelhidão, queimaduras e manchas na pele, já que atingem mais a superfície da pele e também podem causar o câncer.

Agora vamos aos métodos de prevenção mais eficientes e necessários em nosso dia-a-dia. Os protetores solares já fazem parte do cotidiano de muitas pessoas, principalmente entre aqueles que passam muito tempo ao sol, vão à praia ou possuem pele sensível. Existem também tratamentos estéticos de rejuvenescimento e hidratação da pele, que também promovem a manutenção da aparência e proteção. São métodos caros e muitas vezes, cuidam mais da beleza que da saúde.

As “sombrinhas” são muito utilizadas para proteção das crianças e idosos. Roupas escuras refletem os raios solares, evitando a agressão à pele, porém o grande aliado da proteção são os protetores solares.

Alguns tipos de protetores diferenciam sua atuação e medem o grau de proteção, prevenção ou tratamento da pele. Os Anti UVA e UVB protegem a pele do bronzeamento, vermelhidão e limita a ação do sol sobre a pele. Os hipoalergéticos possuem substâncias que não provocam alergias. Existem alguns tipos são livres de óleo ou PABA, para utilização de pessoas com pele oleosa ou extremamente alérgicas. Esses tipos podem variar entre fator 15 a 60.

É importante você consultar seu dermatologista para saber o tipo de protetor solar melhor se adequa à sua pele e qual o melhor fator a ser utilizado, pois assim você poderá sair com segurança e saber a medida exata da sua reação.

O sol faz bem para quem sabe ficar nele!

 

Rate this post

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: [email protected] Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!