Saúde

Purificadores de ar e velas perfumadas podem causar alergia

By  | 

Velas perfumadas e purificadores de ar podem ser agradáveis e relaxantes para alguns. Para outros, esses perfumes no ar podem desencadear sintomas de alergia, como lacrimejamento, mucosa nazal, espirros a ataques de asma. Alergistas dizem que a popularidade desses produtos tem aumentado, assim como as queixas dos pacientes sobre as reações alérgicas à eles.

Existem relatos de pacientes que dizem que vão para casa de alguém que tem um desses purificadores de ar e não conseguem ficar no local. De fato, tem havido um aumento significativo de sintomas nasais, espirros e tosse. Não existe um teste de alergia de pele para purificadores de ar, mas as pessoas podem definitivamente ter uma resposta fisiológica para isso. Alguns dos pacientes tem de lidar com difusores de óleo perfumado e desodorantes de ambiente no local de trabalho.

Muitas vezes, os trabalhadores que apresentam tais sintomas, são julgados como pessoas “chatas” por seus colegas de trabalho. Tais perfumes cheiram bem e são agradáveis para eles, então eles não acreditam que alguém poderia ser incomodado por isso.

Muitas vezes, se o odor da fumaça tem cheiro de um alimento, como a canela, maçã, o paciente pode não apresentar nehuma reação alérgica, no entanto, se o purificador tem cheiro de uma flor, a história pode ser diferente. Cerca de 11% de mais de 2.000 adultos analisados em um novo estudo, apresentaram ​​hipersensibilidade aos produtos de lavandaria comuns.

Cerca de 31% relataram ter uma “reação adversa” para produtos perfumados, e cerca de 19% relataram ter dificuldades respiratórias, dores de cabeça ou outros problemas de saúde, quando expostos à purificadores de ar. As taxas foram bem maiores entre as pessoas com asma.

Velas perfumadas e purificadores de ar emitem VOCs, ou compostos orgânicos voláteis, que são substâncias químicas que formam um gás ou vapor em temperatura ambiente. Os VOCs presentes em purificadores de ar geralmente incluem formaldeído, destilados de petróleo, limoneno, álcool e ésteres.

Altas concentrações de compostos orgânicos voláteis podem provocar irritação das vias respiratórias e dos olhos, dores de cabeça, tonturas e até perda de memória. Muitos detergentes para a roupa e desodorizantes de VOCs emitidos também são potencialmente perigosos. Um purificador lança mais de 20 diferentes compostos orgânicos voláteis, dos quais sete são classificados como tóxicos ou perigosos nos termos da legislação federal. Qualquer produto que emita um perfume como cheiro de flores ou pinho, está emitindo COV”. Os fabricantes deveriam informar os consumidores sobre os ingredientes que podem contribuir para esse risco. Mas alguns especialistas dizem que os requisitos não são suficientemente rigorosos.

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico a vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, por isso... com muito amor <3 compartilho dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros. Insta: @blogdakika E-mail: kika@patricinhaesperta.com.br Lindona, se gostou, clica na estrelinha acima e vote ;-) Compartilhe com suas amigas. Beijos no coração.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!