Beleza

Coisas Que Você Precisa Saber Sobre a Lipoaspiração

By  | 

Quando os contornos corporais – ou a falta deles – incomodam, ou quando a barriguinha não sai nem com muita malhação, a lipoaspiração passa a ser uma opção viável para acabar de vez com o problema.

Só que antes de pensar em se submeter ao procedimento, é preciso analisar tudo o que você terá que passar e, depois disso, decidir se isso é ou não melhor para você.

Inicialmente cumpre salientar que lipoaspiração não é método de emagrecimento. Ninguém emagrece com lipoaspiração, porque ela não faz com que ninguém perca peso, mas sim, remodela os contornos corporais devido a retirada de pequenas quantidades de gordura localizada. Quando se fala em remoção de gordura, não é a gordura localizada em todo o corpo, mas em partes específicas dele, os excessos.

Dicas-para-conquistar-o-corpo-perfeito

Falando em gordura localizada, outro recado: lipoaspiração é para remoção de gorduras e não de pele, então, se a sua pele está flácida, se tem excesso de pele por causa da gestação e do emagrecimento, a lipoaspiração não é o procedimento indicado para você.

Da mesma forma, a lipoaspiração não acaba com a flacidez, e até para que os resultados sejam bons é preciso que a pele esteja com a elasticidade em estado normal, senão os resultados serão desastrosos, já que a região ficará com ainda mais excesso de pele, pele essa que só pode ser removida com cirurgia plástica.

É muito importante lembrar que o limite máximo de gordura a ser retirada é de até 7% do peso corporal, e quem tem gordura em excesso no corpo, geralmente com um sobrepeso de mais de 10%, não obtém resultados tão bons como uma pessoa magra que tem excessos localizados.

Para quem deseja resultados rápidos, a lipoaspiração não é a melhor opção, já que os resultados demoram a aparecer, até porque, no período inicial, o inchaço é intenso e tende a durar, em média, 30 dias, mas o resultado final do processo é visto em torno de seis meses após o procedimento, podendo chegar a um ano.

E esse resultado não é definitivo, porque se a pessoa engordar mais de 10% do seu peso, a gordura vai sim, se alojar nos mesmos lugares de sempre, inclusive naqueles que foram “aspirados”. Se o ganho de peso for leve, os resultados não serão comprometidos, já que esse peso tende a se espalhar por todo o corpo. Então, após a lipoaspiração, é preciso manter uma rotina saudável, com alimentação equilibrada e exercícios físicos regulares, para que os resultados não sejam perdidos.

Se você pensa que após a lipoaspiração já pode fazer tudo normal, ter uma rotina normal, você está redondamente enganada. O pós-operatório é dolorido, e essa dor varia de pessoa para pessoa, mas costuma ser bem intenso nos primeiros dias, amenizando até do décimo quinto dia. Além disso, a região fica roxa, com hematomas e o uso da cinta por 3o dias causa incômodo.

O mais importante: a lipoaspiração oferece riscos sim, inclusive aqueles comuns a qualquer cirurgia, por isso é essencial pesquisar e ter referências da equipe médica e do local onde o procedimento será realizado.

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico minha vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, não poderia fazer outra coisa na vida. Com muito amor compartilho minhas dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros.com.br. E-mail: kika@patricinhaesperta.com.br @blogdakika

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!