Beleza

Qual a diferença entre a estria vermelha e a branca?

By  | 

Quando se fala em estria numa roda de mulheres, todas começam a fazer cara feia. Nenhuma delas quer ter estrias, e as que sofrem com esse problema, são fãs de tratamentos, cremes e todas outras medidas que ajudam a amenizar os estragos causados por elas. As estrias surgem por várias questões: pode ser por causa do efeito sanfona, por uma alteração hormonal, por gestação… Mas sempre aparecem quando a fibra das camadas da pele é rompida e perde a resistência e a elasticidade. Essa fibra, depois que rompida, não volta mais ao seu estado normal, formando a estria.

No começo elas surgem com tom mais roxo ou puxado para o vermelho. Nestes casos, o estágio ainda está no começo e assim conseguem ser removidas com mais facilidade. Elas permanecem vermelhas por seis meses, no máximo. E este será o tempo que você vai ter para fazer um tratamento de choque e ter um resultado mais eficaz. Depois, quando ficam com um tom branco, as estrias ficam mais profundas e bem mais difíceis de sair, mesmo com tratamentos intensos. Esse tom vermelho, mais no começo da vida da estria, significa que ainda tem uma pequena circulação de sangue e irrigação de nutrientes no local, o que faz o tratamento ser mais eficaz e também mais rápido.

estriasMM

Por isso a recomendação dos especialistas é de buscar clínicas de estéticas e também dermatologistas o mais cedo possível, depois que você perceber as estrias nos seios, bumbum, pernas ou em qualquer lugar do seu corpo. Se demorar mais do que seis meses, essa circulação de sangue e nutrientes diminui e a cor fica branca. Ou seja, uma área da pele que não tem mais fonte de nutriente e vitamina, nem colágeno e elastina. O pior é que, quando as estrias chegam neste estágio, o tratamento pode diminuir a profundidade da estria e amenizar a coloração, mas elas não vão sumir.

Tratamentos mais modernos, e também mais doloridos e caros, podem amenizar até 70% das estrias, quando elas chegarem ao nível de cor branca. Mas isso tudo vai depender de cada caso e do grau que está a sua estria. Quanto mais profunda, mais chances de permanecer na pele. O tratamento, então, serve para que elas não aumentem de tamanho e nem de profundidade na pele. As estrias podem deixar marcas visíveis que podem ser sentidas com o toque dos dedos. Um dos tratamentos mais específicos e potentes na área da estética para tratar as estrias, principalmente quando elas estão no estágio de cor branca, com mais profundidade, é o Galvanic-Punture Terapy.

Através de pressão, esse aparelho consegue diminuir o estrago da estria na pele, amenizando a questão da inflamação das células que estão ao redor desta fibra rompida e danificada. Esse aparelho pode ser aplicado por fisioterapeutas e também por médicos. Ele vai estimular a pele a aumentar a resistência das fibras que cercam esta estria. Assim, o tecido fica menos flácido e a estria pode ficar bem pequena e bem mais suave.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!