Bem-estar

Como Lidar Com as Mudanças?

By  | 

Alguém já disse que a mudança é a única coisa constante da vida, e é uma verdade, porque tudo muda, o tempo todo, não tem jeito.  E, como traz o que é novo, toda mudança causa medos e inseguranças, o que é absolutamente normal.

Contudo, se o medo da mudança paralisa a ação é hora de buscar ajuda, pois isso atrapalha inúmeros aspectos da vida emocional e sentimental, porque são muitos os casos em que a pessoa sabe que precisa mudar, que aquilo é absolutamente necessário, mas não o faz.

Um exemplo claro são os relacionamentos abusivos ou desgastados. A pessoa sabe que aquilo não faz bem, que aquilo a faz sofrer, que não acrescenta nada de bom, mas, ao invés de resolver a situação e “partir para outra”, ela continua até que algo aconteça, que algo caia do céu e resolva a situação por ela. Só que na grande maioria dos casos, o que acontece é que ela passa a vida inteira no mesmo lugar, sofrendo com as mesmas coisas, porque o poder de mudar está nas mãos dela e não do acaso.

A mesma coisa acontece quando a pessoa tem um emprego estável, que proporciona segurança, mas que não é o que ela quer, o que ela ama. Mesmo não dependendo desse emprego, porque aí a história seria diferente, ela simplesmente continua lá, porque aquilo é, de certa forma, conveniente para ela.

Captura de tela inteira 27032013 205427

Por que a mudança causa medo? Porque as pessoas tendem a se acostumar e a se acomodar no que já é “conhecido”, com o que elas têm controle e o desconhecido, com todas as suas interrogações, assusta mesmo.

E assusta mais ainda quando a pessoa em questão possui problemas de baixa autoestima, porque antes mesmo de pensar em fazer as transformações necessárias, ela se “autoboicota” pois acredita que não vai conseguir.

E, com isso, a pessoa perde oportunidades nas mais diversas áreas da vida e tende a ficar cada vez mais insegura, com a impressão, real, aliás, de que está ficando para trás.

Mesmo que a mudança traga desdobramentos não muito agradáveis, ela é boa, porque é uma oportunidade de crescimento, de aprimoramento, de saber onde se erra, onde estão as falhas, de saber superar obstáculos, lidar com a tensão e de como superar o que causa dor, medo, insegurança.

É preciso saber que mesmo sendo inicialmente desconfortável, a mudança traz benefícios essenciais, mas, antes de encará-la, também é importante  analisar as possíveis consequências que ela causará, pois dessa forma tem-se mais segurança do que ela pode ou não causar, do que se pode ou não esperar.

Indispensável, também, é saber aceitar as limitações que, com certeza, surgirão e encarar isso da forma mais positiva possível, pois vale muito mais tentar, mesmo com medos e inseguranças, mesmo cometendo erros, mesmo indo por vias nem sempre aconselháveis, do que ficar paralisado e nunca sair do lugar.

À medida que a pessoa tenta, mesmo errando muitas vezes, ela se torna mais resistente e mais preparada para enfrentar as coisas, e isso é essencial, porque é assim que se vence o medo de tentar, o medo de mudar, o medo de fazer algo novo.

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico minha vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, não poderia fazer outra coisa na vida. Com muito amor compartilho minhas dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros.com.br. E-mail: [email protected] @blogdakika

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!