Filhos

Mundo das Drogas: como ajudar o seu filho a não entrar nessa!

By  | 

Uma realidade triste que muitos jovens têm passado. Entrar para um mundo, muitas vezes sem volta. É preciso entender como evitar que seu filho, entre para um universo paralelo. Primeiro, um fator extremamente importante é a observação. Cuide o modo como seu filho age. Cuide as opiniões que ele tem diante de certos assuntos. Cuide do seu maior bem, seu filho. De maneira que ele não precisará entrar para o mundo das drogas.

Outro fato de extrema importância é a conversa!

Uma conversa realista sobre esse mundo fará com que seus filhos entendam o porquê não devem entrar. E essa conversa não tem idade para acontecer. É preciso começar falando do assunto abertamente desde cedo. Porque assim o alerta virá o mais cedo possível.

Antes dessa conversa, informe-se corretamente!

Para que dessa maneira, possa passar as informações para as perguntas que eles possam vir a fazer para você. Pesquise sobre o assunto, converse com pessoas, com profissionais que possam dar um apoio, no modo como você falará com eles. Tente ser o máximo calma e sincera com seu filho, só assim ele entenderá o verdadeiro problema que é entrar para esse mundo

Quando a criança já tem uma idade mais avançada, vale usar imagens para ter essa conversa, mas isso só poderá ser usado, se ela tiver idade para entender. É para assustar mesmo, para que a criança nem pense em experimentar. É preciso mostrar para eles, que experimentar já é errado! Por isso, evite dar voltas para tratar do assunto, porque depois que seu filho já estiver nesse meio, as voltas que você precisará dar para tirá-lo serão ainda maiores.

Se você quer um filho saudável e longe das drogas, você precisa dar o exemplo correto.

De nada adianta você querer que ele não fume, ou não use drogas, se você faz isso na frente dele. Evite ao máximo entrar para esse mundo também. E se for o caso de ter entrado, pelo motivo que tenha sido, procure ajuda! Pais precisam ajudar seus filhos, se você não se sente forte para isso, em relação a esse assunto, procure um profissional, como um psicólogo que possa dar um apoio.

Outro detalhe que é de extrema importância para que seu filho não caia na armadilha do mundo das drogas, é valorizá-lo. Ajude que a auto-estima deles esteja valorizada, assim ele não precisará desse artifício para sentir-se alguém melhor. Para isso, mais uma vez, entramos no conceito de presença! Pais presentes, e atentos aos filhos, perceberão quando ele precisa de ajuda, perceberão que ele está com a auto-estima baixa. E poderão ajudar a mudar isso.

Cuide do seu maior tesouro!

Para que você não tenha que se arrepender depois, por não ter estado perto, e por não ter notado no seu filho. O momento de ajudar é antes de eles entrarem para esse mundo terrível das drogas! É preciso alertar, abrir o olho. E fazer com que eles entendam que não existe NENHUM lado bom nesse mundo das drogas.

Rate this post

Jornalista, apreciadora de alguns mundos paralelos e pessoas diferenciadas. Escritora há pelo menos 10 anos. Com sonhos na cabeça e vontades de realizar. Gaúcha. No momento trabalha ajudando as pessoas a serem melhores tanto na parte física, quanto emocional. Com convicções muito concretas sobre a vida, e o amor. Ama as palavras, as letras e as pessoas. Pois acredita que cada um tem algo a ensinar.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Content is protected !!