Saúde

Sobremesas Que Cabem Na Dieta!

By  | 

Para muitas pessoas a maior dificuldade na dieta de restrição alimentar é ficar sem doce, sem sobremesa. Mas o que muita gente não sabe é que não é preciso abrir mão do docinho para perder uns quilinhos. Basta saber escolher as opções corretas.

Frutas Frescas e Gelatina

As melhores opções são as frutas frescas, preferencialmente da estação, e a gelatina (que ainda ajuda  a manter a pele durinha!), que são saudáveis e pouco calóricas. Mas se isso não suprir a vontade de doce, existem outras opções nas prateleiras dos supermercados.

Além da fruta in natura, dá pra fazer sobremesas deliciosas e pobres em calorias, como, por exemplo, a maçã assada com canela, que pode ser feita no forno tradicional ou no micro-ondas, as frutas ao vapor, os espetinhos de frutas “assadas”, a banana com canela ao forno, dentre outras.

Falando em frutas, escolham sempre as menos calóricas, como o abacaxi, a maçã, o melão, a melancia e a pera, por exemplo, deixando de lado as que são mais calórias, como a manga e o abacate.

gelatina-cubos

Picolé de Fruta

O picolé de fruta é uma opção válida de “doce” que pode ser consumido, desde que com moderação, é claro. Algumas marcas, inclusive, já comercializam picolés isentos de gorduras e com redução de calorias. As melhores opções são os de frutas “magrinhas”, como limão e abacaxi, por exemplo.

Salada de Frutas

A salada de fruta, além de deliciosa, saudável e refrescante, pode, também, entrar a dieta de redução de peso, desde que não contenha leite condensado e complementos similares.

Escolhendo Sobremesas Industrializadas

O segredo é aprender a olhar os rótulos dos alimentos, verificar a quantidade de calorias que o produto contém e os demais macronutrientes. As sobremesas em versão light podem ou não ser boas opções e tudo depende da composição das mesmas. Olhem a quantidade de açúcares, adoçantes artificiais e gorduras saturadas e prefiram as que contenham a menor quantidade dessas substâncias.

Não se pode deixar enganar com os produtos light, que representam verdadeiras armadilhas, já que se acredita que eles são “liberados” e não engordam, o que é uma mentira. A falácia decorre do fato de que light não é sinônimo de isenção de calorias, mas tão somente de redução de, pelo menos, 25% do total de calorias ou redução do teor de gorduras ou açúcar. E, muitas vezes, quando se exclui uma substância da formulação do produto, se acrescenta outra que pode ser ainda mais engordativa.

Moderação é Tudo!

Alguns doces cabem, sim, na dieta e não é um simples brigadeiro que vai pôr todo o seu “trabalho” por água abaixo, desde que seja apenas um e de vez em quando.

O Que Não Pode?

O que não pode, ao menos para quem deseja emagrecer, é fazer opções erradas e comer porções exageradas. Mousse de chocolate, pudim de leite condensado, docinhos de festas, leite condensado, compotas de frutas cheias de açúcar, sorvetes, chocolates, jujubas, balas, bolos recheados, tortas, caldas, dentre outros, devem, sim, ser vetados do cardápio, já que são verdadeiras bombas calóricas.

Kika - Sou blogueira há 10 anos, dedico minha vida a produção de conteúdos sobre beleza e cabelos. Amo, amo, o que faço, não poderia fazer outra coisa na vida. Com muito amor compartilho minhas dicas no PatricinhaEsperta e CabelosLoiros.com.br. E-mail: [email protected] @blogdakika

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Content is protected !!